Simplesmente Gu

Lembrei da minha infância, da minha segunda mãe, a Gu. Ela chamava-se Agostinha, mas quando essa que escreve , estava dando apelido a todas pessoas, ela virou Gu. Religiosa ao extremo trabalhava cantarolando hinos religiosos e, embora., não fossemos da mesma religião, seu caráter muito correto é bondoso formou o meu. Ela limpava a casa,

Finalizar uma etapa

Qualquer que seja  o fim, na vida as coisas temporais tem um fim. Podemos gostar ou não, mas elas têm fim. O fim pode ser bom ou ruim, não sei, talvez indiferente. Quando um acontecimento é desagradável, esperamos que termine logo. Quando estamos ”curtindo”, queremos que não termine jamais. Vou começar falando da finitude dos recursos

Clipping Advocacy ABEM – Maio 2018

  Queridos leitores!   Estamos no outono e muito felizes com o resultado dos clippings e de como este canal de comunicação tem nos aproximado a cada edição.   Começamos com uma notícia excelente que é a publicação do novo PCDT para esclerose múltipla que orienta o diagnóstico e organiza os medicamentos a serem dispensados

NORMAL?!

Quem já não ouviu a frase: “de perto ninguém é normal”. Confesso que quanto mais o tempo passa, concordo com essa afirmativa. Se ninguém é “normal” consequentemente ninguém é “igual”. É todos somos diferentes, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza. O bicho homem vive em sociedade, está se relacionando o tempo

O valor de pequenas coisas

Pentear meu  cabelo; besteira. Por opção (sou um ser descabelado) ou por incapacidade. Mas, só será possível se você puder combinar habilidades símias de coordenação e força; só será possível se ainda existirem cabelos… Tomar banho: uma luta, há que tirar a roupa, tarefa ingrata, caminhar ao chuveiro, regular água e temperatura. Sentar (antes eu não

Mudanças

O mundo está sempre em movimento. “Tudo munda o tempo todo no mundo”, como diria Lulu Santos. A vida proporciona mudanças sempre. É por conta disso que sempre precisamos nos reinventar. Podem existir mudanças físicas, tanto do nosso corpo, como do ambiente, da sociedade. Para acompanharmos e nos adaptarmos às mudanças precisamos estar abertos, receptivos,

Meio cheio ou meio vazio?

Um copo com água pela metade está meio cheio ou meio vazio? Como vemos os acontecimentos, os problemas e os contra tempos que a vida nos apresenta. Eu prefiro pensar que o copo está sempre meio cheio, que com mais de esforço, perseverança e água ele estará cheio, quem sabe até transbordará. Os problemas existem

Duas considerações

Consideração um -projeto conscientizaCAO Minha amiga tem um projeto de conscientizaCAO. Assim mesmo, com letra maiúscula mesmo , de CÃO. Vou detalhar depois a essência dele. A ideia é mais profunda mesmo. Não adianta sentir pena dos pobres animais, dizer que ama de paixão, que simpatiza. É preciso conhecer para abraçar uma causa. Fiquei pensando,

Haja paciência

Recentemente adotei um filhote de cachorro. Combinei com a minha irmã que dividiríamos as tarefas: como por enquanto só eu trabalho, pago e compro o que é necessário e ela limpa e cuida de outras coisas. Vocês não imaginam nossa alegria em finalmente realizar esse sonho. O nome a gente já tinha escolhido faz tempo:

PERCURSO

Tantos locais para conhecer, tanta coisa a fazer, mas como chegar, com ir até o local? Pois é, antes não precisava pensar como percorrer o caminho e chegar até o destino. Pegava o carro ou pegava o transporte coletivo (ônibus, trem ou metrô) e simplesmente só me preocupava com o que deveria e queria fazer.