• 27 MAR 17
    • 5
    NEUROMIELITE ÓPTICA

    NEUROMIELITE ÓPTICA

    ESTUDO DE CASO: PERFIL PSICOLÓGICO DE PACIENTES COM NEUROMIELITE ÓPTICA

    A neuromielite óptica (NMO) é uma doença rara, crônica, inflamatória e autoimune, em que o sistema imunitário ataca a proteína das células do sistema nervoso chamada aquaporina 4, no nervo óptico (neurite óptica) e na espinal medula (mielite). Objetivo: Levantar perfil psicológico de pacientes com NMO, em estudo piloto. Método: Estudo observacional de resultado de testes psicológicos para avaliação cognitiva e de personalidade com a Pirâmide Colorida de Pfister (TPC) e Baterial Fatorial de Personalidade (BFP), de habilidades sociais (IHS), em 5 mulheres com NMO, faixa etária entre 31 e 45 anos. Resultado: O teste BFP detectou como ponto comum a rigidez no seguir normas; no teste IHS tem como ponto comum a capacidade de enfrentamento diminuída e no teste TPC o ponto comum foi a preservação cognitiva, 100% tiveram predominância no uso da cor azul que caracteriza adaptação e controle, 100% de ausência de cinza que caracteriza baixa ansiedade e de insegurança; baixa presença de preto, marrom, amarelo e laranja que indicam disposição para descargas emocionais e produtividade. Conclusão: O perfil dos pacientes com NMO demonstram que as pacientes possuem um meio de descarga emocional que talvez as possibilite adaptação e controle, mesmo frente a diminuída capacidade de enfrentamento.

    Leave a reply →
  • Posted by Rafaela on 16 de abril de 2017, 15:54

    Boa tarde, tenho 18 anos e a 7 anos e meio convivo com a NMO, e apenas 2 anos tive o diagnostico. Nesse tempo todo superei a mim mesma, mesmo tendo 3 sustos, sendo que dois graves e um levemente, não houve um dano psicológico na qual foi uma das principais causas de uma adaptação, aceitação, fortalecimento para que todo o tratamento tivesse digamos que 98% de eficácia de muitos que me verem não notarem sequer nenhuma sequela, apenas aqueles que conviveram comigo nesse periodo perceberem minha evolução, (a idade ajuda muito sim), mas hoje nem eu mesma acredito o quanto superei e venci o meu passado.

    Reply →
    • Posted by Marisa Monti on 1 de junho de 2017, 02:40
      in reply to Rafaela

      Rafaela,
      Boa noite,Meu nome é Marisa,sou de Sp-capital e atuo na area de pesquisas para a industria farmacêutica.
      O objetivo da pesquisa de mercado é buscar através de medicos, enfermeiros,profissionais da área da saude ,pacientes e cuidadores suas opiniões sobre o tratamento da Neuromielite Optica ,obtendo assim os pontos positivos e negativos para que haja melhoria na qualidade do tratamento.
      Assim,buscando maiores informaçoes sobre a NO, encontrei seu depoimento e gostaria da possibilidade de obter maiores informaçoes sobre o assunto.
      Caso for possivel,agradeceremos sua colaboraçao
      Att
      Marisa Monti

      Reply →
    • Posted by Danilo dos Santos Brito on 23 de julho de 2017, 02:20
      in reply to Rafaela

      Olá Rafaela
      Meu nome é Danilo, e sou educador físico
      Tenho uma amiga diagnosticada com NOM Eu gostaria saber se você se você pratica atividade física como um meio terapeutico para atenuar os efeitos da NMO

      Obrigado desde já
      Att

      Danilo Duran

      Reply →
  • Posted by Clayton on 23 de setembro de 2017, 14:44

    Bom dia, minha mãe foi diagnosticada com neuromielite óptica a uns 3 meses e perdeu todo movimento da cintura para baixo, porém foram feitos alguns tratamentos e a exatamente a 1 mês atrás ela conseguiu recuperar parcialmente os movimentos, porém está semana ela teve outra recaída e paralisou novamente as pernas gostaria de uma ajuda sobre o que podemos fazer, não foi dado nenhum remédio para controle diário, e acredito que deva ter algum medicamento que deve ser tomado para que não ocorra ou previna está doença.

    Reply →
  • Posted by Maria Aparecida on 29 de setembro de 2017, 12:19

    Olá, tenho 35 anos e em Março desse ano(2017), fui diagnosticada com neurite óptica, fiquei sem enxergar do olho esquerdo ,mas depois voltou ao normal,depois de 27 dias tive um novo surto e me internei ,fiz ressonância e foi diagnosticado neuromielite óptica, fiquei 20 dias internada onde fiz td tipo de exames,plasmaferese ,pulsoterapia, e agora eu tomo 4 tipos de remédios todo dia pra evitar que fique dando picos de surto,fiquei com sequelas ,meu lado direito está mais lento,não ando sozinha,tenho ajuda dos meus filhos e marido ,estou fazenfo acompanhamento e sigo firme minha vida,fácil nao é, mas tudo é da vontade de DEUS! !

    Reply →

Leave a reply

Cancel reply