• 27 OUT 17
    • 8
    Diferentes !

    Diferentes !

     

    A única certeza que temos na vida é que somos diferentes. Um lado do nosso corpo não é igual ao outro, os dedos das mãos não são iguais, portanto, fácil concluir que nenhum ser humano é igual ao outro.

    Outra fácil constatação é que cada um de nós pacientes com esclerose múltipla é diferente, tem sintomas e sequelas diferentes. Então como lidar com isso? Ouso dizer que nem os médicos sabem…

    Então creio que única opção é nos conhecermos e sabermos o que nos faz ficar pior ou melhor. Parece simples e bastante fácil, né? Só que não conviver com a patologia é muito complicado, os sintomas variam e de uma hora para outra você pode sentir algo que nunca havia sentido.

    Sabemos que somos diferentes e que podemos sentir sintomas diferentes com o passar do tempo e com a evolução ou não da esclerose múltipla.

    Quanto a isso não temos nada que nos distingue dos outros seres humanos. Aceitar que somos diferentes e por conta disso precisamos de alguns equipamentos ou condições diferentes.

    Portanto, se somos todos diferentes, precisamos respeitar e aceitar as diferenças, sem excluir ou minimizar as pessoas.

    Temos o direito de viver e de ser feliz, de planejar, de desejar, de realizar, de viajar, em fim de realizar sonhos e vontades.

    O que quero dizer com tudo isso é que podemos e devemos viver bem. Diferentes todos são, temos sonhos diferentes e vontades diversas.

    Ouvi uma música outro dia que resume bem a questão: “podemos ser brancos, negros, amarelos, homem, mulher, pobre, rico, porém o sangue é da mesma cor”.

    O que quero dizer com isso é que todos somos diferentes, mas todos temos o direito de ser feliz e de realizar nossos projetos e planos.

    Sendo assim, somos diferentes, mas, somos capazes de realizar, sonhar, amar, planejar, viver…

    A esclerose múltipla existe em nós e não pode ser ignorada, porém não pode nos afastar de nossos sonhos, tampouco da vida. Somos muito mais que um diagnóstico, uma patologia, somos seres humanos que podemos e devemos viver bem e sermos felizes.

    Somos muito maiores do que a patologia, temos força, temos garra, coragem e coragem para encarar os obstáculos, superá-los e alcançar nossos objetivos.

    A vida é um presente, uma oportunidade de aprendizado e crescimento. Temos condições para alcançarmos nossos objetivos, como já disse em outras oportunidades. Pode ser que tenhamos que procurar outros caminhos ou outras maneiras, mas não podemos aceitar aquela velha máxima derrotista: ”não posso, não consigo”.

    Ainda não desisti. Ainda quero viver muito, viajar muito, realizar vários projetos, que estão em minha mente. O principal de tudo isso é não desistamos de nós, da vida, do amor, da felicidade

     

     

    Leave a reply →
  • Posted by Mariana Moreira on 29 de outubro de 2017, 18:09

    Mais uma vez digo que adorei seu texto Daniela , e concordo com o que você disse não podemos desistir de nossos sonhos da vida Não importa se tivermos que mudar o trajeto e se o caminho vai ser maior ,temos que continuar sempre e enquanto isso se o caminho for maior "vamos aproveitar para olhar a paisagem pelo caminho. Bom e afinal de contas como disse o enredo de uma escola de samba uma vez :Ser diferente ,é normal. Parabéns pelo texto.
    Bjo

    Reply →
  • Posted by Mariana Moreira on 29 de outubro de 2017, 18:09

    Mais uma vez digo que adorei seu texto Daniela , e concordo com o que você disse não podemos desistir de nossos sonhos da vida Não importa se tivermos que mudar o trajeto e se o caminho vai ser maior ,temos que continuar sempre e enquanto isso se o caminho for maior "vamos aproveitar para olhar a paisagem pelo caminho. Bom e afinal de contas como disse o enredo de uma escola de samba uma vez :Ser diferente ,é normal. Parabéns pelo texto.
    Bjo

    Reply →
  • Posted by Mariana Moreira on 29 de outubro de 2017, 18:09

    Mais uma vez digo que adorei seu texto Daniela , e concordo com o que você disse não podemos desistir de nossos sonhos da vida Não importa se tivermos que mudar o trajeto e se o caminho vai ser maior ,temos que continuar sempre e enquanto isso se o caminho for maior "vamos aproveitar para olhar a paisagem pelo caminho. Bom e afinal de contas como disse o enredo de uma escola de samba uma vez :Ser diferente ,é normal. Parabéns pelo texto.
    Bjo

    Reply →
  • Posted by UAE Freezone Company Formation on 7 de novembro de 2017, 10:47

    Dissertation Guidance Provides quality Online Dissertation Help for students.

    Reply →
  • Posted by UAE Freezone Company Formation on 7 de novembro de 2017, 10:47

    Dissertation Guidance Provides quality Online Dissertation Help for students.

    Reply →

Leave a reply

Cancel reply