• 08 JAN 18
    • 15
    Desejo de um ano novo

    Desejo de um ano novo

    Quero um ano novo que se dissipe no infinito, cheio de graça e infortúnios.

    Quero um ano novo igual a esse, mas diferente.

    Quero nele, a capacidade e a oportunidade de fazer diferente.

    Aos quebradinhos, quero um ano novo, onde todos tenham soluções para seu diagnóstico, medicamentos e conhecimento. Desejo também rampas e calcadas onde se consegue andar.

    Aos pobres de qualquer tipo, quer seja de dinheiro, sabedoria, amor, generosidade ou espírito: a oportunidade  de se tornarem ricos.

    Aos ricos o voto de pobreza, de partilha.

    Às mulheres  e aos homens desejo a realização, seja como pais, profissionais e pessoas.

    Aos filhos a superação de obstáculos e o sonho inacabado.

    Ao idoso, uma consciência tranquila, um sonho.

    Aos animais, plantas e outros seres vivos: a continuidade.

    Ao planeta Terra: saúde

    À guerra desejo um final não apoteótico.

    À paz: resiliência

    Aos nossos sonhos desejo mais um ano de liberdade

    Aos estudantes: o sucesso.

    As nossas ambições: a cautela

    Ao nosso país desejo um ano de Brasil, de desenvolvimento, sustentabilidade e equidade.

    Aos meus  amigos mais um ano em que possamos dividir a nossa vida.

    Aos que leem esse texto, um ano novo em que valha a pena ler.

    A todos, um ano em que a pena por tentar e arriscar fazer um ano novo:um momento  feliz.

     

    “Para ganhar um Ano Novo Que mereça , este nome, você , meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil. Mas tente experimente, consciente. É  dentro de você que o Ano Novo  cochila e espera sempre.”

    Carlos Drummond de Andrade

    Leave a reply →
  • Posted by Cecília on 8 de janeiro de 2018, 15:46

    Rê!
    Parabéns por mais esse texto lindo!
    Só vc para lembrar de todos e tantos!!
    Dos pais, irmãos, amigos, até as plantinhas e animaizinhos!!
    Muita paz, saúde, fé, coragem e que 2018 seja um ano de descobertas e de muita felicidade!!!
    Que o mundo seja povoado por pessoas tão especiais como vc!!!
    Bjs

    Reply →
  • Posted by Maria Cecília O. de Andrade e Silva on 8 de janeiro de 2018, 16:08

    Querida,somente da sua cabeça pura e sábia,jorrariam tantas bençãos aos esquecidos pela vida,aos q fazem mau uso dela ,e a todos q de uma forma ou outra,levam sonhos p um Novo Ano.Que esses sonhos incluam a melhora do Planeta, começando pela mudança em cada um de nós ,pois na realidade o q nós esperamos é q o outro mude ,p só depois pensarmos na nossa própria mudança.Que assim seja

    Reply →
  • Posted by eliane lopes sanches on 8 de janeiro de 2018, 16:24

    Parabéns Rê.
    Sempre pensando em todos.
    Que 2018 seja próspero para você com muita saúde e paz

    Reply →
  • Posted by Maria Rita Esteves Martins on 8 de janeiro de 2018, 16:44

    Regina como sempre lembrando de todos e do mundo. Texto magnífico. Parabéns. Bjs.

    Reply →
  • Posted by Teresinha Bocuzi on 8 de janeiro de 2018, 17:11

    Regina,texto belíssimo, do ponto de vista literário e humano . Vc se superou: nada fica a dever ao poeta do qual vc utilizou o trecho de um poema para encerrar seu belo texto !Brindemos juntas ao seu texto e ao Ano Novo !!!

    Reply →

Leave a reply

Cancel reply