• 22 JUN 18
    • 10
    Aprender

    Aprender

    A vida é um eterno aprendizado. Estamos constantemente passando por situações novas, até inusitadas. No dia-a-dia, por todos os lugares onde passamos, por onde circulamos, há sempre o que fazer e o que aprender.

    Aprender ou não depende apenas do nosso interesse e da nossa vontade. Já ouvimos falar várias vezes: “nunca se é tão jovem que não possa ensinar nada aos outros e nunca se é tão velho e experiente que não se possa aprender coisas novas”.

    Estamos sempre em movmento, fazendo, trabalhando, observando… Aprender algo novo é sempre estimulante e aguça o raciocínio e a imaginação.

    Imaginação e criatividade são ferramentas importantes na nossa vida, elas nos fazem seguir e avançar na nossa caminhada.

    Todos nós temos limitações, dores, aflições e problemas, mas todos, sem exceção, somos dotados de criatividade e imaginação suficiente para conseguirmos superar nossos problemas. Sejam eles recorrentes ou novos.

    Quando era criança ouvia uma música que tinha como refrão: “use a imaginação, use a sua imaginação”, não lembro quem é o autor, tampouco o cantor, mas lembrei dela um dia desses, diante de um problema que me apareceu.

    Passei por uma situação, no mínimo, vexatória, fiquei nervosa com minha filha no posto de saúde e acabei me descontrolando e urinando nas calças… Olhei ao redor, tinham várias pessoas no recinto e não queria sair simplesmente daquela forma. Então pensei na música, tinha uma pachimina colocada no pescoço, amarrei-a na altura da cintura e tampou a parte mais crítica, saí do local e fui para casa, andei cerca de quatro quarteirões até chegar em casa.

    Não é nada agradável passar por isso, mas com um pouco de imaginação, consegui sair daquela situação embaraçosa…

    Pois é, mais um aprendizado: quando precisar sair para algum local que posso passar por nervoso devo usar fralda, não é o melhor dos mundos, mas preserva a roupa, minha dignidade e evita vexames.

    Porém, quando falo em aprender não quero falar só dessas coisas, que podem parecer corriqueriras, mas falo também em ocupar e exercitar a mente com coisas novas, novos caminhos e interesses.

    Felizmente, com toda essa evolução digital temos várias possibilidades, como por exemplo fazer cursos on-line à distância, no conforto da nossa casa, mas ao  mesmo tempo, viajando, imaginando e até criando.

    Não vamos fechar os olhos e ouvidos para as possibilidades que nos cercam, basta identificarmos uma área de interesse e começar a destrinchá-la, desbravá-la.

    Existem muitas possibilidades e enquanto estamos vivos podemos tudo o quisermos. Como já disse dificuldades existem, bem como limitações, em contrapartida existem a imaginação, a criatividade e a vontade.

    Sede de saber, sede de viver, não podemos deixar que essas vontades se apaguem em nós, de nossas vidas.

    Então: “O que temos para aprender hoje?” Não importa o tamanho, nem a profundidade, o que importa é que aprendamos sempre!

    Leave a reply →

Leave a reply

Cancel reply