Últimas matérias

    • 27 ABR 17
    • 4
    Nova Consulta Pública Tecfidera e Alentuzumabe

    Nova Consulta Pública Tecfidera e Alentuzumabe

    Nova Consulta Pública para análise de inclusão dos medicamentos Fumarato de Dimetila (Tecfidera) e Alentuzumabe no SUS. Participe você também da Consulta Pública para que os pacientes de EM possam cada vez mais, ter acesso a uma gama maior de medicamentos. Preencha os dois formulários discordando do parecer da CONITEC. O período para preenchimento é do dia 25/04/2017

    • 26 ABR 17
    • 0
    Alumni e ABEM

    Alumni e ABEM

    O Centro Binacional Alumni doou uma bolsa de estudos para a ABEM. A Alumni tem a missão de integrar os povos do Brasil e dos Estados Unidos, por meio de programas de educação e cidadania. Como uma instituição de ensino, seu compromisso com a sociedade é renovado e fortalecido com a realização de programas que

    • 25 ABR 17
    • 0
    Zona Norte SP ganha reforma de praça com acessibilidade!

    Zona Norte SP ganha reforma de praça com acessibilidade!

    Praça Oyeno ganha obras de acessibilidade  Por intervenção da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, a Zona Norte da cidade agora tem praça com percurso acessível.  Pessoas com deficiência agora possuem um novo local de lazer e descontração em São Paulo. A Praça Oyeno, localizada no bairro do Jardim Japão, Zona Norte da capital, ganhou

    • 24 ABR 17
    • 0
    Equipe ABEM- 4th International Porto Congress of Multiple Sclerosis

    Equipe ABEM- 4th International Porto Congress of Multiple Sclerosis

    DADOS SOCIODEMOGRÁFICOS DE PACIENTES COM ESCLEROSE MÚLTIPLA Daniele Batista de Sousa; Priscila Da Silva Santos; Beatriz Maciel Sodré; Thais Mira Simandi; Lucas Felipe Ribeiro dos Santos; Ana Maria Canzonieri   Introdução: A Esclerose Múltipla (EM) é uma doença crônica, degenerativa, inflamatória que causa a desmielinização de fibras nervosas levando a déficits motores, cognitivos e psíquicos,

    • 24 ABR 17
    • 2
    SOZINHO

    SOZINHO

    SOZINHO? Nunca. Pense agora mesmo em algum lugar que gostaria de estar ou conhecer, mesmo que levasse algum tempo para conseguir ir. Pense em algum desejo de aprender alguma coisa nova ou algum desejo que por anos está dentro de você e por algum motivo ou por alguma escolha em sua vida, teve que abortar

    • 20 ABR 17
    • 0
    Resolver!

    Resolver!

    Muitas vezes sinto que ando para trás, como se fosse retrocedendo na minha jornada, na vida. Comecei a pensar o porquê disso e cheguei a uma conclusão: as coisas que vão e voltam, certamente, ainda não estão resolvidas, portanto, ainda não fazem parte do passado. Então o remédio é resolvê-las, mesmo não sendo tão fáceis.